'Apesar de Você': Daniela Mercury regrava canção de Chico Buarque e lança manifesto

Censurada pela Ditadura Militar quando foi lançada originalmente, em 1970, "Apesar de Você" foi regravada por Daniela Mercury e será lançada em um vídeo manifesto contra a violação dos direitos humanos e pela liberdade de expressão e pela democracia. A nova versão foi disponibilizada nesta quinta-feira (10), data em que é comemorada o Dia Internacional dos Direitos Humanos.

 

Se juntaram a Daniela jornalistas, formadores de opinião e artistas como Elza Soares, Gilberto Gil, Caetano Veloso, Adriana Calcanhotto, Geraldo Azevedo, Deborah Colker, Zélia Duncan, Dona Onete, Céu, Vik Muniz, Margareth Menezes, Vânia Abreu, Teresa Cristina, Gabriela Priori, Ailton Krenak, Vovô do Ilê, Antonio Nobrega, Silva, Elisa Lucinda, Assucena, Raquel Virginia e Rafa (As Baías), Jessé de Souza, Sergio Besserman, Casagrande, Preta Ferreira e Anielle Franco

 

O vídeo manifesto tem direção de Bianca Lenti, roteiro de Bianca Lenti e Daniela Mercury; produção do documentarista Belisario Franca, de Maurício Magalhães e de Malu Verçosa Mercury, montagem de Yan Motta, direção de arte de Renato Nunes e motion de Jonas Bispo.

 

A capa do single é a obra de arte da brasileira Adriana Varejão, que tem peças em coleções de instituições como Metropolitan Museum of Art, em Nova York, o Guggenheim Museum, de Nova York, o Tate Modern, em Londres, entre outros, e foi umas das artistas censuradas na exposição Queermuseu. A obra Pele Tatuada à Moda de Azulejaria, de 1995, significa, para Daniela, os direitos humanos feridos.



Categoria:Cultura

Deixe seu Comentário