Ator da Globo, Eduardo Galvão morre aos 58 anos vítima da Covid-19

O ator Eduardo Galvão morreu na noite desta segunda-feira (7), aos 58 anos, vítima de Covid-19. Ele estava internado, há mais de uma semana, na UTI do Hospital Unimed Rio, Rio de Janeiro, e desde a última terça-feira (1º) precisou ser intubado por causa de complicações da doença (relembre aqui). A informação foi confirmada pela família para amigos mais próximos por volta da meia-noite.

 

O veterano tinha dado entrada no hospital com cerca de 50% dos pulmões comprometidos. O último trabalho de Galvão na TV Globo foi na novela Bom Sucesso, que terminou no início de 2020, interpretando o Dr. Machado. Também na emissora, atuou no infantil Caça Talentos (1996), ao lado da apresentadora Angélica, e em tramas como Despedida de Solteiro (1992) e Porto dos Milagres (2001).

 

Ao saber da notícia, a apresentadora prestou uma homenagem. "Eu não consigo acreditar que essa doença te levou da gente... tá muito difícil. Precisamos tanto da sua leveza, alegria, liberdade e carinho nesse mundo! Era sempre tão bom te encontrar, você foi um presente lindo que a fada Bela me deu, uma parceria linda, mágica", escreveu a mulher de Luciano Huck.

 

Ele teve ainda passagens pela Record, onde integrou o elenco de Apocalipse (2017), e pela Band, onde fez Dance Dance Dance (2007). No GNT e na HBO, participou das séries Questão de Família (2014) e Magnífica 70 (2015).

Categoria:Intretenimento

Deixe seu Comentário