Twitter indenizará cantora brasileira do Now United em quase R$ 70 mil

A representante brasileira do grupo internacional Now United, a cantora Any Gabrielly será indenizada pelo Twitter em quase R$ 70 mil reais. A artista foi xingada e recebeu ameaças de "haters" na rede social, e, por conta disso, processou a plataforma para obter as informações dos usuários que praticaram a violência virtual contra ela.

 

Contudo, apesar da liminar que obrigava a plataforma a fornecer os dados para identificação das pessoas que a agrediram sob multa diária de R$ 1 mil, o Twitter só entregou as informações 66 dias depois.

 

"A Any foi vítima de crimes como injúria, difamação e teve sua reputação manchada diante de mais de um milhão de seguidores que admiram seu trabalho e ela só queria saber quem praticou os crimes para poder responsabilizar os usuários. O Twitter simplesmente ignorou uma decisão judicial por mais de dois meses e agora deve ser penalizado. A multa se aproxima dos R? 70.000,00", reforçou Bruno Gallucci, advogado da cantora.

 

Now United é um grupo global de música pop formado em 2017. Criado por Simon Fuller e gerenciado pela XIX Entertainment, teve sua primeira formação escolhida mediante processos de seleção. O grupo, até então, é formado por dezessete integrantes, cada um de um país.

Categoria:Intretenimento

Deixe seu Comentário